Dependência Química

Clínica de recuperação CT Rezende no combate contra dependência química na pandemia

Um dado triste que foi constatado é o aumento dos casos de usuários de drogas infectados pelo coronavírus. Este problema exige a busca de soluções para vencer a dependência química e aumentar o controle sobre a expansão da pandemia de covid-19 nesse grupo. Neste cenário podemos contar com a clínica de recuperação CT Rezende no combate contra dependência química na pandemia. Continue lendo para saber mais!

Muitos dependentes químicos continuam na rua em busca de drogas nos pontos de venda, em locais perigosos e que não atendem às especificações sanitárias em prol da menor propagação da doença.

Mas por que os dependentes químicos têm mais riscos de contágio pelo coronavírus?

Para responder essa pergunta, precisamos entender o que é a dependência química.

A dependência química é caracterizada pelo uso descontrolado de qualquer substância psicoativa e que possa levar ao comprometimento da estabilidade mental, emocional e à alteração do comportamento.

Ela pode se referir ao consumo excessivo de bebidas alcoólicas, de drogas ilícitas, de medicamentos sem prescrição médica e de calmantes de natureza variada.

A dependência química faz com que o usuário dessas substâncias seja incapaz de controlar o consumo. Sob o domínio das drogas, o indivíduo também perde o controle sobre suas emoções, atitudes e seus comportamentos.

Sem falar do aumento dos conflitos familiares e dos prejuízos à saúde, esses desajustes psíquicos atrapalham as atividades de rotina e colocam em risco a vida pessoal, afetiva e profissional.

Além de todas as implicações em torno do vício em substâncias químicas, a pandemia de Covid-19 ainda traz à tona outra questão preocupante: a não obediência às orientações propostas pela vigilância sanitária, que torna o risco de contaminação bem maior entre os dependentes químicos.

Como os familiares podem ajudar no combate contra a dependência química na pandemia?

Mesmo que o dependente químico esteja exposto a um grande risco ao coronavírus, maior até do que aqueles que não são dependentes, a família pode ajudar no combate contra a dependência química na pandemia.

A sugestão é que a família deve sempre tentar antes a internação voluntária, por meio do convencimento do dependente pela abordagem motivacional.

E que internação involuntária só seja aplicada mediante indicação precisa e somente pelo tempo necessário para reduzir risco de vida, buscando engajar o paciente no tratamento para que se torne voluntário, nem que seja voluntário para esquema ambulatorial.

Analisar as possibilidades de tratamento disponível e escolher a conduta mais adequada pode representar chances reais de reabilitação da saúde integral do dependente químico.

Tirando os riscos associados à pandemia de Covid-19, o tratamento especializado também auxilia no controle de questões ligadas aos distúrbios emocionais como depressão, ansiedade, transtornos psicóticos e situações relacionadas à ideação suicida.

A escolha de uma instituição especializada em saúde mental pode assegurar uma melhor qualidade no tratamento contra a dependência química, sobretudo nesse período de pandemia do coronavírus.

Reconhecer o problema e buscar ajuda profissional o quanto antes é um importante passo nessa jornada rumo à reabilitação da saúde e ao retorno ao convívio social de quem enfrenta esse desafio.

E se você precisa de ajuda no combate contra a dependência química na pandemia, conte com o CT Rezende. Nós somos uma referência no ramo e iremos te ajudar!

CT Rezende

Postagens recentes

Aumento do consumo de álcool e drogas durante a pandemia do coronavírus

Neste artigo nós vamos falar sobre o aumento do consumo de álcool e drogas durante…

% dias atrás

Dependência química e os sinais de que a internação é necessária

Neste artigo nós iremos falar justamente sobre a dependência química e os sinais de que…

% dias atrás

O que significa doping?

É bem provável que você já tenha ouvido termos como "exame antidoping" ou "parecia que…

% dias atrás

Este Website usa cookies

Saiba mais